domingo, 3 de outubro de 2010

Som do teu nome

Eu ouço teu nome
são 1.000 vertentes
mil vertingens
dá frio na espinha
calorosa que deu dó
mas que já não é tão virtuosa

Eu te ouvia falar
e sentia gosto
canções e paixões de uma crença
em ritmo da música pesada
muito sexo, pouca droga
e o rock n' roll foi acabando...

Aquela melodia que eu ouvia
nem sinto mais falta
um dia eu ouço teu nome
e percebo que se tornou comum

Nenhum comentário:

Postar um comentário