sábado, 2 de julho de 2011

Provas

Tentei te provar
quis saber o sabor da tua boca
por paixão lutei
por gostar, mudei

tentei te provar
por meio de versos
parágrafos e travessões
que voce era mais
que eu eu podia ser mais
que nós éramos somas

tentei-te a provar
por pouco lhe fiz acreditar
mas de tanto insistir
sinto ter que admitir
te perdi...

e não me resta muito
alguns recados
presentes que nem sabe que me deu
mas que eu guardo só pra lembrar
junto com tudo que ainda me faz gostar

mas ja nem importa mais
briguei demais
obriguei demais
quando o que faltava-me era só paz
boto minha viola no saco e vou embora querendo voltar
mas com a certeza de que meia-volta não poderei dar

porque o amor não compensa
o crime foi sempre ser quem sou
bom pra mim mesmo
ruim pra todo o resto.